segunda-feira, 14 de março de 2011

Se você não é religioso, pelo amor de Deus diga!

A British Humanist Association [Associação Humanista da Grã-Bretanha] lançou no final de 2010 uma nova campanha pró-ateísmo. O grupo ficou conhecido algum tempo atrás por espalhar mensagens antirreligiosas em ônibus e outdoors em diversas partes do país.


Sabendo que um novo censo será realizado no Reino Unido a partir de março de 2011, decidiram apelar para que humanistas e ateus tenham uma posição firme ou, como eles mesmo dizem, “saiam do armário”. Uma vez que existe a opção de cada entrevistado declarar sua religião, a BHA decidiu usar um apelo inusitado: “Se você não é religioso, pelo amor de Deus diga”.

O incentivo é para o maior número de não-religiosos ou religiosos não praticantes declarem isso formalmente, optando pelo “não” quando perguntados pelo censo sobre sua religião. Segundo a Associação, isso forçaria o governo a mudar sua posição de favorecimento a escolas confessionais e benefícios concedidos à Igreja da Inglaterra [Episcopal Anglicana]. Ou seja, além da questão religiosa há um aspecto político envolvido.

Em outros anos, o Censo não levava em consideração as pessoas que marcavam a opção “jedi”. Mesmo assim, um grupo grande declarou-se jedi como forma de protesto. Isso deu a falsa impressão que a igreja Jedi, que realmente existe, estava crescendo no país. Este ano, uma das opções sugeridas é marcar “Facebook” como forma de protesto.

Porém, a campanha da BHA acabou sendo censurada. Autoridades inglesas não permitiram que os outdoors e sinais em ônibus fossem divulgados por temor que a mensagem irônica pudesse ser ofensiva a outros grupos religiosos. A Associação mudou então seu lema para “Não é religoso? No censo deste ano marque NÃO”. No último censo oficial, 72% dos ingleses declararam-se cristãos. O entendimento do grupo humanista é que muitos fizeram isso por serem de uma família cristã, terem sido batizados quando crianças e/ou por vergonha de declararem-se ateus, mesmo sem crer no Deus cristão.


A internet tem sido uma forte aliada dessa campanha da BHA, que colocou no ar um site para explicar sua campanha e arrecadar contribuições (AQUI). Também criaram uma página para tentar dissuadir pessoas a se declararem jedis, a YourenotaJedi.com. Além disso, campanhas em redes sociais como Twitter e Facebook têm sido usadas.

Fonte:
http://bulevoador.haaan.com

Um comentário:

  1. hum muito interessante sua abordagem!
    beijos e tudo de bom sempre :)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Wordpress Themes | Bloggerized by Free Blogger Templates | Macys Printable Coupons